Sucesso há quatro anos no Rio de Janeiro e pela primeira vez em São Paulo, o Festival Ópera na Tela traz à capital paulista pela primeira vez apresentações no Museu da Casa Brasileira, além de aportar pelo quinto ano na cidade maravilhosa, no Parque Lage, respectivamente entre 18 e 27 de outubro e 31 de outubro e 12 de novembro com o patrocínio da Sofitel Hotels & Resorts.

É open air. Ou seja: as exibições são feitas a céu aberto, numa tela gigante, com qualidade de som e imagem. As cadeiras são confortáveis. Entre os compositores estão os nomes de Verdi, Mozart, Puccini, entre outros. Para democratizar o canto lírico, o Festival Ópera na Tela trará ainda um ciclo de palestras gratuito. Em São Paulo, as aulas serão ministradas pelo pesquisador e estudioso da música lírica, Sérgio Casoy. “A ópera: do barroco ao verismo” é o tema dos encontros dos dias 23, 25 e 26 de outubro, sempre de 16h às 18h30m, no Museu da Casa Brasileira. Dia 23, a conversa gira em torno ‘das origens ao barroco; dia 25, ‘do classicismo ao romantismo’ e dia 26, ‘do romantismo ao romantismo tardio’. Já no Rio, o tema será “Ópera, história e sociedade”, com aulas com Robson Leitão, professor e especialista em História da Ópera e Literatura. Suas palestras acontecem dias 2, 5 e 9 de novembro, na tenda no Parque Lage, sempre de 16h às 18h30m. No dia 2, aborda ‘Monteverdi, Orfeu e as primeiras grandes óperas’; dia 5 é a vez de ‘A mulher dentro do universo masculino da ópera’ e no dia 9, a conversa será sobre ‘Giuseppe Verdi e a consagração da ópera italiana’.

festival-opera-na-tela-2019-1014x598.jpg

6fdeb6f0a42d422d9ea5e21bd9eee9ae_M.jpg

Confira a programação completa e mais informações no site: operanatela.com

 

%d bloggers like this: