A yoga pode ter esperado um pouco para ter seu próprio “dia”, mas graças ao primeiro-ministro da Índia, Narendra Modi, desde 2014, essa ocasião especial é observada em todo o mundo. Sendo uma parte tão arraigada da história da Índia, o primeiro-ministro foi às Nações Unidas em 2014 com uma proposta para criar um dia especial para o yoga. Na assembléia, ele fez um discurso inspirador que convenceu mais de 170 países a aprovar o Dia Internacional do Yoga, que aconteceria anualmente na data de 21 de junho, que é quando o solstício de verão ocorre, o dia com maior dispersão de luz solar do ano e o momento ideal para a transformação. Não há desculpa melhor para duas saudações ao sol para recarregar o corpo e a mente!

pm-modi-yoga-day-1200x667.jpg
Primeiro Ministro da Índia, Narendra Modi

Em seu primeiro ano (2015), cerca de 36.000 iogues se reuniram em Nova Délhi para um evento recorde, onde pessoas de mais de 80 nacionalidades realizaram a maior sessão de ioga da história (embora o número tenha aumentado a cada ano desde então). Marcou a maior celebração do primeiro dia de Yoga com o tema do yoga para harmonia e paz.

E o que exatamente é tudo isso? Em poucas palavras, este dia serve para aumentar a conscientização sobre esta prática milenar e todos os benefícios que qualquer pessoa pode obter através dela. Do alívio do estresse e um corpo mais flexível a um estilo de vida mais saudável, a maioria de nós poderia usar um pouco de yoga.

“A yoga é um presente inestimável de nossa tradição antiga. Incorpora a unidade da mente e do corpo, do pensamento e da ação … uma abordagem holística [que] é valiosa para a nossa saúde e nosso bem-estar. Yoga não é apenas exercício; é uma maneira de descobrir o senso de unidade consigo mesmo, com o mundo e com a natureza. ”- Primeiro Ministro Modi na Assembléia Geral da ONU.

Qual é o objetivo do Dia Internacional da Yoga?

O IDY foi criado para reconhecer seu apelo universal. Isso nos lembra que o yoga é para todos, independentemente de nossas crenças, nacionalidade, religião, raça, gênero etc. Sua intenção é continuar divulgando os benefícios do yoga em todo o mundo, um mundo agitado que poderia usar essa paz de espírito. mente adquirida através da prática.

No entanto, todos os anos têm um objetivo específico diferente. Todo mundo sabe que precisamos cuidar do nosso planeta se quisermos continuar chamando de lar nos próximos anos. Bem, isso pode não ser inteiramente verdade. Infelizmente, existem aqueles que ainda negam as mudanças climáticas e ignoram os danos irreparáveis que a humanidade infligiu.

International_Yoga_Day_Photos23.jpg

yoga___events___Robin_van_Lonkhuijsen__ANP_AFP.jpg

Em um esforço para enfatizar a importância de cuidar bem da Mãe Terra enquanto ainda podemos, foi decidido que o tema deste ano para o IDY seria uma ação climática. E, embora uma sessão de ioga não reduza o aquecimento global por si só, a prática nos ensina a nos conectar com a natureza e respeitar todas as formas de vida diariamente.

A Yoga na Índia

Nos submarinos e nas montanhas, nas escolas e nos parques, às dezenas e aos milhares, os indianos celebraram uma tradição antiga que se transformou em um fenômeno global. Enquanto os primeiros-ministros indianos anteriores praticavam ioga, ninguém a adotou como Modi. Ele pratica ioga diariamente e define a prática como uma maneira de melhorar a saúde e a concentração, reduzir o estresse e promover a paz. A extenuante promoção do yoga pelo ministro faz parte de um esforço muito mais amplo para explorar as tradições indianas como fonte de orgulho nacional e influência internacional. O fato é que prática física, mental e espiritual que se originou na Índia se tornou uma indústria multibilionária em todo o mundo não escapou à atenção do governo.

Yoga-Teacher-Training-in-Rishikesh-1.jpg

50-Hour-Yoga-Teacher-Training-in-India.png

O yoga é uma das maiores fonte de turismo para a Índia. Se os viajantes escolhessem um lugar no mundo perfeito para um retiro espiritual, a Índia seria sua primeira escolha. Isso pode ser afirmado facilmente pois ao mesmo tempo em que abraça sua diversidade, o país mantém sua inclinação para suas tradições. Dito isto, uma rápida olhada na história da Índia nos mostra vislumbres de algumas das melhores práticas tradicionais que tomam forma. Yoga e meditação estão entre as crenças religiosas e tradicionais que foram semeadas e colhidas na pátria e que agora se tornaram um dos maiores atrativos da região.

A celebração do Dia Internacional da Yoga em Bangalore

Para celebrar esta importante data no país, o Ministério do Turismo da Índia organizou uma mega sessão de yoga no Jardin Botâninico de Lalbagh em Bangalore, reunindo representantantes de mais 20 países juntamente com centenas de habitantes locais, para comemorar o Dia Internacional do Yoga. Além de ser o melhor lugar para sessões de ioga, o jardim de 240 acres também abriga uma variedade de pássaros, flores e árvores. Moradores e estrangeiros visitam os jardins para apreciar a paisagem e o ar fresco.

Glasshouse_and_fountain_at_lalbagh.jpg

Travel1-Yoga-Practitioners (1).jpg

Universidade da Yoga

Localizada nos arredores da capital indiana, Bangalore, o S-VYASA, conhecido popularmente como Swami Vivekananda Yoga University, foi criado com o objetivo de fazer do yoga uma ciência socialmente relevante. O instituto promove pesquisas sobre aplicações da yoga na saúde, educação e gestão e estão trabalhando para que a prática seja aceita como um sistema auxiliar de valor terapêutico pelo mundo médico moderno.

Através de um sistema único de pesquisa e condução dos experimentos, o instituto é uma mistura única entre um ashram e uma universidade moderna. Os cursos de ioga variam de cursos de certificação e programas de graduação a até altos níveis de doutadorados e mestrados. Eles tratam todas as doenças, da hipertensão à doença de Parkinson, da epilepsia à dor nas costas, do diabetes ao câncer. Em vez de querer substituir a medicina convencional, a equipe da S-VYASA montou um sistema abrangente e complementar que trabalha de mãos dadas com os tratamentos padrão. Tanto é assim que os médicos locais vêm encaminhando seus pacientes para o instituto há anos, a fim de seguir um programa personalizado que amplia a cura.

1515129267phpJyZEf5-squashed.jpeg

siddharth-yoga-center-harapanahalli-bangalore-yoga-classes-9by6o5vtmj.jpg

Bangalore, o vale do silício da Índia

A cidade de Bangalore é considera como uma das maiores metrópoles do país. De ritmo acelerado, é uma das cidades que mais crescem no país, porém não é considerada um destino de viagem por si só, graças ao foco principal ser na indústria da tencolocia e não no turismo. Entretanto, isto não significa que não há nada para recomendar Bangalore. Há uma série de atrações históricas interessantes (principalmente o Palácio de Bangalore, com seus jardins carinhosos e amplos) espalhadas pela cidade. Um fato curioso, é que ao contrário de outras cidades da Índia, Bangalore não sofre com extremos de calor ou chuvas de monções; portanto, em qualquer época do ano, a cidade fica aberta aos negócios e ao turismo, sendo inclusive uma interessante porta de entrada ao país, devido a boa oferta de voôs internacionais que chegam no aeroporto municipal.

78ad37bd5e576370ca0c6ba747021180-bangalore-palace.jpg

IMG_0371.jpg

Nosso editor viajou para Bangalore á convite do Ministério de Turismo da Índia.

%d bloggers like this: